25 de fev de 2005

Brasil, o circo

Sempre achei o Brasil o pais da impunidade. Se uma pessoa conhecida na mídia faz uma cagada, é deslize. Se eu faço, estou fudida.
Exemplos:
O Edmundo porrou o carro e não rolou nada.
O Alexandre Pires atropelou um aí e não rolou nada.
Uma pá de sertanejos e pagodeiros porram os outros e não rola nada.
O Netinho espancou a quenga dele e não rolou nada!!!!!
Nunca rola nada.
Hoje eu estava folhando uma dessas revistas de fofoca quando fiquei pasma com o depoimento da Viviane Araujo sobre o Belo (que é feio de tuuuudo).
Acha bonito ir visitá-lo na cadeia, ter relações íntimas, ficar na fila com a sacolinha de comida...
Eu a acho uma vaca.

Ela diz com toda a certeza que ele não traficou nada e que foi intriga da oposição. Então se ele não traficou, fui eu é?

Agora quer ficar grávida e solta a pérola:

Vou encarar a gravidez com naturalidade, continuarei linda e terei o apoio de todo mundo....

Vai lavar roupa minha filha!
Se quiser, aqui em casa tem de monte.
Argh!

Nenhum comentário: